gateinmist.jpg

Nossa Organização

O Siddhartha’s Intent (SI) é um conjunto de grupos budistas sediados em diferentes países, tendo começado em 1986, na Austrália, com a constituição do Siddhartha’s Intent Southern Door (hoje denominado Siddhartha’s Intent Australia). Desde então, o SI vem se expandindo, com grupos na América do Norte, México, Índia, Hong Kong, Europa, Taiwan, Japão e Brasil. A maioria desses grupos são oficialmente registrados em seus respectivos países como associação ou instituição beneficente, criada com o único intuito de preservar e promover o budismo. Em anos recentes, criaram-se grupos que não são necessariamente chamados Siddhartha’s Intent, mas são filiados a Dzongsar Khyentse Rinpoche, tal como o ‘Almost Buddhist”, na República Popular da China.

Todos esses centros organizam ensinamentos e seminários com a intenção de criar um ambiente adequado no qual o budismo possa florescer. A consecução desse objetivo permitirá maior conhecimento dos princípios budistas, para além dos limites de diferentes culturas e tradições. Cada região independente do SI busca, a seu modo, tornar realidade a visão de Rinpoche.

O logo do Siddhartha’s Intent é um dos quatro portões monumentais que circundam a “Grande Stupa” de Sanchi. Essa stupa é a mais antiga estrutura de pedra existente na Índia, tendo sido originalmente encomendada por Ashoka, o Grande, imperador da Dinastia Maurya, que governou quase que todo o subcontinente indiano no séc. III a.C. Um dos maiores imperadores da Índia, o reino de Ashoka extendia-se sobre quase todo o território da Índia de hoje, após inúmeras conquistas militares. Por volta de 260 a.C., Ashoka embarcou numa guerra sangrenta contra o estado de Kalinga (atualmente Odisha). Ele abraçou o budismo após assistir às mortes em massa da Guerra de Kalinga, que ele próprio havia iniciado por sede de conquistas. A partir de então, dedicou-se à propagação do budismo por toda a Ásia.